o que é Pessario vaginal?

O Que É Um Prolapso Genital?

Prolapso de órgãos pélvicos é quando há a queda ou descendo de órgãos pélvicos como o útero, a bexiga ou o reto. O prolapso é uma situação comum que afeta cerca de 50% das mulheres. Cerca de 10% das mulheres necessita de cirurgia do prolapso durante a sua vida. O prolapso geralmente ocorre devido ao enfraquecimento das estruturas de suporte do útero ou da vagina. O enfraquecimento dos suportes pode ocorrer durante o parto, como resultado do levantamento de pesos ou esforços crônicos, como por exemplo, com a constipação intestinal, tosse crônica, obesidade e como parte do processo de envelhecimento. O pessário vaginal é um excelente tratamento para esses casos.

O Que É Um Pessário Vaginal?

O pessário vaginal é um dispositivo removível que é colocado na vagina para dar suporte as paredes da vagina ou ao útero prolapsado. O pessário é feito de silicone, um material macio e não absorvente. O pessário é um tratamento definitivo para o prolapso de órgãos pélvicos que substitui a cirurgia.

Quando Pode Ser Usado Um Pessário?

A maioria dos pessários são colocados para melhorar os sintomas de prolapso do útero e paredes vaginais. Os pessários vaginais podem ser usados para tratar qualquer prolapso, independente da gravidade do caso. Apesar dos pessários serem mais utilizados quando se deseja evitar ou adiar uma cirurgia para correção do prolapso genital, ele pode ser usado por qualquer mulher que tenha prolapso de órgãos pélvicos. O pessario tem a vantagem que não necessita de recuperação após uma cirurgia. Há alguns casos que podem melhorar até incontinência urinaria.

Como É Colocado Um Pessário?

Os pessários são colocados com a realização de um exame vaginal para avaliar o tipo de prolapso. O seu médico também irá medir a sua vagina para decidir qual o melhor tipo de pessário no seu caso. Às vezes, podem ser necessárias algumas tentativas até encontrar o tamanho e o tipo de pessário mais adequados, pois o pessario de tamanho adequado não escapa sozinho e não causa nenhum tipo de desconforto. O profissional de saúde que inserir o pessario deve ter conhecimento sobre o assunto.

O Que Irá Acontecer Após A Colocação?

Uma vez inserido o pessário e colocado apropriadamente na vagina, é necessário trocá-lo e verificá-lo a intervalos regulares. A rotina varia entre médicos, mas a maioria sugere que o pessário seja limpo 1 vez por semana e a vagina observada a cada 3-6 meses. Algumas mulheres que usam pessário em anel são capazes de remover, limpar e substituir o próprio pessário, caso contrário, isto pode ser feito no consultório médico.

Existem Algumas Complicações?

• Dor ou desconforto. Não deve sentir o pessário se ele estiver corretamente colocado. Se sentir dor ou desconforto significativo, o pessário pode ser muito grande ou pequeno e requer substituição por um tamanho diferente. Fale com o seu médico se isto acontecer.

• Corrimento. A maioria das mulheres tem uma pequena quantidade de corrimento esbranquiçado. Com um anel colocado, este corrimento pode aumentar um pouco, mas não deve ter cor ou cheiro desagradável. Ambos os sintomas podem indicar uma infecção vaginal e/ou ulceração. Muitos médicos prescrevem o uso de creme com estrogénio vaginal para reduzir o risco de ulceração; este também pode resultar numa quantidade aumentada de corrimento branco cremoso.

Existem Algumas Restrições Na Minha Atividade Diaria Com Um Pessário Vaginal?

O pessário resolve o problema do prolapso sem limitação da atividade diária. Por exemplo, deverá ser capaz de praticar atividades fisicas, andar de bicicleta e caminhar normalmente.

Posso Ter Relações Sexuais Com Um Pessário Colocado?

Se tem um pessário em anel é bem possível ter relações com o anel colocado. Se você ou o seu companheiro sentem o anel durante as relações, pode retirar o anel e voltar a colocá-lo após as relações.

Uso De Estrogénios Vaginais Com Um Pessário Vaginal

Após a menopausa, a mucosa vaginal fica mais fina devido à falta de estrogénios. Isto pode tornar a vagina mais seca e também mais propensa a ulceração. O seu médico irá discutir as possíveis indicações para o uso de estrogénios e as consequências do seu uso.